Wednesday, November 11, 2009

A Finlândia

Na minha opinião a Finlândia é branca. Branca e cheia de neve. Mas não posso dizer que ela é fria, porque recebemos tanto calor dos queridos Rodrigo e Saara que esse lugar tão longe se tornou colorido e extremamente cheio de amor. Aliás, amor. Essa é a palavra que melhor define os nossos quatro dias em Jyvaskyla, cidade universitária quase no centro do país, onde fomos hospedadas.


Depois de passar por dois países capitalistas, um que viveu até 19 anos atrás o comunismo, descobrimos uma nação socialista com feições iguais e diferentes. Os traços étnicos tão parecidos, assim como a arquitetura local, porém com pessoas com estilos peculiares. Os cabelos, as tatuagens, os piercings mais estranhos que já vi na vida foram pelas bandas de lá.


E se é para falar de peculiaridades culturais, não podíamos passar pelo norte da Europa sem fazer a sauna finlandesa e o mergulho em lago congelado. Sabe aquelas coisas que você só vê em programas de TV? Tivemos a oportunidade de experimentar e nos encantar. Quer uma dica sobre a Finlândia? Certamente essa é uma delas.


Entre coisas inusitadas e comuns foram dias incríveis que nos deixam saudades. E para mim a Saa já é brasileira e o Rô é finlandês. Porque poucas vezes vi um casal transcultural amar tanto a etnia que resolveu abraçar. A Saa fala português com sotaque de São Paulo e o Rô sempre teve estilo europeu. Pessoas incrivelmente diferentes e maravilhosamente iguais.


Pensando bem, o melhor da Finlândia é a casa e a companhia dos Vatanen Campos. Amigos queridos, parte da família que escolhi para mim.


Ps: Queria muito colocar fotos, mas a conexão do vizinho não está ajudando...rs

10 comments:

Alini said...

Nossa que gostosa essa viajem nunca tive a oportunidade de viajar pra fora do Pais lindas fotos de vcs

Eu to te acompanhando tbem no Twiter

Bjussss

Natalia Saldanha said...

Me encanto muito mais pela europa cada vez que leio seu blog! Mas confesso que estou curiosissima pra ver as fotos! Beijo!

Paulo Victor said...

Sonho, sonho, sonho!
Aliás, cada impressão que vocês deixam dos lugares me faz querer ir aí vivenciar um pouco. Até mesmo lugares antes impensados, como a Letônia, passaram a despertar interesse em mim.
E a Finlândia... Ah, a Finlândia! Como tive vontade de cruzar a nado o Golfo que separa a Rússia desse antigo domínio, quando estive no palácio de Peterhoff, em São Petersburgo, em 2003.

Ainda quero muito andar pelas bandas da Noruega, Suécia e Finlândia e ver que as coisas podem funcionar politicamente. Caminhar pelas áreas públicas dos países considerados os menos corruptos do mundo. Andar na rua sem me deparar com os gritos da desigualdade (reza a lenda que a diferença entre o menor e o maior salário na Suécia, por exemplo, não passa de 15%!!!).

Ainda vou pra lá. Quero ver se é mito, ou se de fato existe um sistema social democrata que funcione. Um welfare state não falido. A possibilidade de garantia de meios de sobrevivência a todos, sem se pensar que tudo só funciona com o individualismo e com a auto-regulação dos mercados. Ah, a Finlândia! Ah, a Suécia! hehe.

Concordo com o @moraleida. Pode ser um tanto quanto chato ter tudo perfeitinho, não ter "o que fazer". E as nossas peculiaridades, no Brasil, são de fato encantadoras. Mas uma sociedade mais igualitária - como a lenda diz haver lá no norte - é um tipo de "perfeição" que eu queria ter por aqui...

Rodrigo said...

ahhhh.... q fofo esse texto.... assim o povo vai achar q a gente é tudo isso...hahahaha...

mais uma vez, Kiitos!!! foi muito bom te-las aqui!

Fabíola Paiva said...

Uma vez conhecia umas meninas da Finlândia! Elas eram tããão lindas!
Quero ir ai! =)
Aproveitemmm!
Beijos

Sah♥ said...

Essa aventura vai dar pra escrever um livro.. já pensou nisso!?

bons passeios!

Fabrícia Nunes said...

Iana!!!!!! que mara mergulhar no lago congelado, deve ter sido td.Quero ver as fotos.
Que pena que está quase acabando a nossa viagem né? Mais saiba que estou amando viajar a Europa daqui de Vitória/Es rsrsrs.
Amo muito ste espacinho
Bjs e curta muitooooooooooooo

Rafael said...

E olha que vc é de BH onde piercing realmente impera ^^


Ah, eu queria fazer uma viagem assim, pra fora do país, ver neve (um dos meus maiores sonhos), e quem sabe até se encantar com novas paisagens, ver um por do sol do alto da torre eifel (nem sei como escreve).

Bom, que a viagem continue sendo memorável.

Pri Narvaes! said...

Nana, tirei um tempinho para vc hj!
E foi um tempo muito gostoso!
Estou com saudade de vc!
Te amo!
BJOS

*Nán!nh@* said...

Quanto mais você fala sobre as peculiaridades da Europa, mas eu fico me coçando para tirar o passaporte... Ai, quando terei tempo para isso?

"Queria muito colocar fotos, mas a conexão do vizinho não está ajudando" Ri horrores! Parece eu tentando fazer meu laptop pegar a net alheia... hauhau!