Monday, July 27, 2009

Como assim?

Cheguei hoje ao trabalho e comecei a rotina de sempre: verificar e responder e-mails, fazer algumas ligações, organizar a "to do list", conferir o Twitter, moderar os comentários do I-relevante. Mas qual não foi a minha surpresa ao ver um recado sobre um blog que replica os posts do meu. Até então tudo bem. Aliás, é muito bom saber que meus textos ganharam vida própria, se tornaram independentes e começam a andar sozinhos por aí. Isso é: desde que estejam devidamente creditados, com a referência correta de quem o escreveu.

Infelizmente não foi o caso do blog citado. A mocinha em questão usou várias postagens como se fossem dela. E tem até uma que ela aproveita a estrutura que escrevi e substitui apenas as minhas experiências relatadas.

Não, eu não fiquei brava, mas confesso a minha surpresa. E isso sempre acontece quando vejo perfis fakes em redes sociais, o que para mim se trata do reflexo de pessoas que assumem personalidades que não lhe pertencem. Porque isso é viver de mentira, é querer ser alguém que não se é. É ignorar a sua essência própria e buscar a de outro. É se apropriar de algo que não é seu. E isso é errado.

O problema é que na internet as pessoas podem ser quem elas quiserem. É possível inventar personagens, agregar características, assumir outra vida, escrever coisas que não tem coragem de falar ou assinar. E isso acontece porque a internet aceita tudo. Mas e você? Você se aceita? Para mim essa é a pergunta chave.

Não tenha medo de ser você mesmo. Não tenha medo de expor as suas ideias ou de assinar aquilo que você escreve. Mas também não sinta receio em admirar alguém. Admiração nunca é problema. O problema é não ser autêntico o suficiente para assumir. É permitir que essa admiração se torne maior que a sua própria personalidade.

Você pode conseguir enganar algumas pessoas e até começar a acreditar naquilo que você mesmo criou, mas sou obrigada a dizer o que isso representa para mim. Na minha modesta opinião esse é um problema de caráter.

Enfim... Por alguma razão acho que esse post ela não irá replicar.

Ps: Só para reiterar: eu adoro quando vejo meus textos em outros blogs. Isso realmente me faz mega feliz. Mas desde que eles sejam devidamente creditados, ok?

29 comments:

Paloma said...

nossa, isso está ficando cada vez mais comum!
lamentável...

bjos

Carolina Vilela said...

Eu, hein. Cada doido por aí...

Evelin Fernanda said...

Nossa Iana essa foi com classe...rs

isra said...

Assim caminha a humanidade, pessoas sem personalidade e que tentam ser os outros é o mais comum nessas rede sociais fakes e etc as pessoas postam coisas que ela não teria coragem de dizer sendo ela mesma.
Pegar trechos de blogs e etc é até legal mas tem que colocar os devidos créditos mesmo. Até porque
não foi ela quem escreveu.


sempre passo no seu blog tá muito massa
abraço

Rafael said...

Assim que eu li seu texto eu lembrei o que fizeram com meu orkut. Se não se incomoda eu relatarei minha experiência:

Eu estava tentando fazer um "Quem sou eu" super massa e interessante, e fiz um texto bem bonito com dedicatoria para amigos. Exemplo:
Com Isabel Coimbra aprendi a beleza da dança.
Com Iara aprendi a gostar de escrever.
Com fulana eu aprendi que nem sempre as pessoas mudam pra pior.

E enfim, ficou muito lindo e eu me senti imensamente satisfeito.
Pouco tempo depois uma desconhecida entra no meu orkut e acaba em "visitas recentes". Quando vou ver quem é, qual não é a minha surpresa ao ver o meu "Quem sou eu" ali, tin tin por tin tin. Ela só mudou os nomes.

Tipo o trabalhão que deu pra fazer ele e alguem simplesmente vai la e copia. Graças a Deus que eu consegui entrar em contato com ela, ela entendeu meu ponto de vista, e mudou.

Por isso que posso dizer exatamente como você se sente.
Bem, é algo que iremos torcer para que nunca mais isso aconteça conosco né?

jinhus,
Rafael9692

Drielle said...

Lamentável??? Isso é horrível, eu no lugar da Iana, ficaria brava e mt... vê lá!

"MOCINHA EM QUESTÃO" - Porque não se aceitar como vc é? Porque querer ser outra pessoa ou ter a vida de outra pessoa? Olhe pra vc, tenho certeza que encontrará várias qualidades únicas E MARAVILHOSAS.

PRISCILA said...

... mas era só o que faltava!! rs

a. said...

Ei Iana,

obrigada pelo comentário no blog. rs...
Não se irrite com a cópia de seu texto isso significa duas coisas:
- você tem bons textos
- assim que vc escreve algo e o posta ele se torna um elemento vivo no universo fluxo e que para ser completo precisa ser lido e interpretado. Além disso, todo leitor (nesse universo), pode ser autor. Não sei de qual texto vc fala, mas as vezes não dá nem para considerar cópia, pois as alterações são muito esdrúxulas.
- Esqueça essa coisa de autoria. isso é coisa do universo modernista que precisa identificar tudo. Sabe como surgiu??? Com os hereges que a igreja perseguia e os obrigava a asinar o que faziam.
Já em relação à manter a identidade... prefiro continuar assinando como antes. No mais completo anonimato e com pouquíssimas referências a quem eu sou.
HATUNA MATATA

Maria Lúcia Gontijo said...

Aí que chatisse! Infelizmente essa prática já é tão comum, né? Já aconteceu coisa parecida comigo. Fiquei de cara. Como pode? Será que a garotinha aí terá coragem de continuar replicando seus textos sem creditar? Rs. Eu hein?

Abraços!:)

Benjamin said...

Sim, confesso que eu fiquei realmente surpreso quando vi suas idéias em outro blog. Em vários outros posts eu pude ver, está quase tudo igual!

Eu não sabia ao certo o que deveria fazer, admiro seu blog, e como sua vida é abençoada por Deus.

Sei que as pessoas colhem o que elas plantam, e Deus conhece o coração de cada um. Desculpe por não estar mostrando minha verdadeira identidade aqui, pois fiz este perfil especificamente para te alertar, e para que a mocinha do blog não se infiltrasse na minha vida pessoal.

Que Deus continue abençoando sua vida, e saiba que pessoas assim sempre aparecem em nosso caminho para tentar nos desanimar, mas continue firme e não deixe a inveja dos outros influenciar em nada!

*Nán!nh@* said...

Sei como você se sente. Não, nunca tive meus textos simplesmente copiados e assinados por outra pessoa (não que eu saiba), mas alguns amigos e até admiradores já pediram para publicá-los ou repassá-los adiante. Antes, porém, pediram autorização e me deram o crédito.
Fiquei feliz por escrever algo de interesse deles. Para um jornalista, o texto é resultado de pensamentos próprios e, muitas vezes, de trabalho árduo de pesquisa. Este valor é igual para quem compõe uma música ou faz uma coreografia. O nome miúdo ao lado de uma fotografia pode até ser ignorado pelo leitor do jornal, mas o profissional responsável pela imagem se orgulha de vê-lo ali. Definitivamente, ser reconhecido por algo que você fez não tem preço!

Willian said...

Por algumas atitudes assim q o mundo ta como tah!

Pessoas com opinião própria, com coragem de assumir qm realmente são.

Te admiro mto Iana

miss sil pati said...

[/aplausos]

Norton said...

Meus Deus !
Estou muito decepcionado.
Meu nome é Norton, era um dos visitante do "Blog Plágio" que por sinal foi excluído, estava procurando uma das mensagens escritas no "Blog Plágio" no Google, foi quando cheguei ao seu blog.
A que ponto nós chegamos. Eu ainda comentei dizendo que as palavras ditas por essa moçinha estavam falando profundamente comigo, quando na verdade as palavras eram suas, você que estava sendo usada por Deus!
Bom que Deus abençoe você e o seu blog. Um blog sem Plágio!

Cida Gama said...

Mais essa agora!

Lilian Pavan said...

Iana,

Outro dia eu vi um texto seu num blog. Fiquei indignada pela pessoa não ter citado a fonte. No entanto, depois de acompanhar o blog dessa, percebi que a mesma não fez por maldade. Ela postou apenas um texto seu, sem saber que TUDO o que não é de autoria própria PRECISA citar fonte.

Amo assistir os programas do Silas Malafaia. Numa das pregações, ele diz que, as pessoas que são mais apedrejadas e invejadas, são aquelas que dão frutos. Pois, ninguém, joga pedra em àrvores que não têm frutos.

Querida, eu não te conheço, mas sei o quanto és verdadeira, temente a Deus e uma pessoa de personalidade ímpar.

Os invejosos te perseguem. Maior é Deus na sua vida!

bjjjj

;-)

Wallan Cristhian said...

Muitos estão esquecendo o que é a palavra identidade.
Essa questão implica em muitas outras,situações não tão facéis de se resolver.
Já citei seu blog em meu blog,quando você falou sobre Aborto,mas coloquei as devidas referências.
Se não me engano já esqueci de colocar por acidente e não com a pretensão de me apropriar da postagem alheia(mas do seu nunca me esqueci)
e hoje percebo o quanto isso pode ser ruim.

Cíntia Mara said...

Nunca fui vítima direta de fakes e plágio, mas já vi isso acontecer muitas vezes. Se a pessoa colocou um texto e se esqueceu de citar a fonte, até dá pra entender. Mas ter vários textos de uma mesma pessoa sem citar a fonte, sei lá, parece que a pessoa quer ter popularidade, mas não tem criatividade pra fazer isso sozinha então copia. Ou então a pessoa acha que não tem nada de bom para oferecer, né? Se esquece de que cada um de nós é um ser único e especial, com qualidades e potencialidades que não vão agradar a todos, mas que podem ser boas pra muita gente.

Algumas vezes meus amigos pedem para copiar algum texto e eu mesma já fiz isso. Não custa nada dizer que copiou de fulano.

Rachell said...

Fatos Relevantes:

1. O que quer que vc escreva, será imediatamente lido e respondido, não se trata APENAS da qualidade dos seus textos, é que já nos acostumamos a acompanhá-la enquanto referência.

2. É sempre tão envaidecedor receber críticas positivas. "Mas se não posso criar, posso copiar". O fato é que de alguma forma, há quem não suporte NÃO SER OVACIONADO O TEMPO TODO.

3. Existem muito mais pessoas no mundo "olha pra mim, olha pra mim!" do que podemos imaginar.

ENFIM. QUE TRANSTORNO DESNECESSÁRIO.

Seus textos são mesmo maravilhosos... Causam todo tipo de efeito. Rsrs.

Aline said...

Sem Comentarios vc falou tudo hehehehehehe

é inclivel mesmo Iana eu tenho orkut eu sei.Se vc visse ou ja viu os orkuts que fizeram pra vc e suas irmãs nao é brincadeira usando fotos pessoais de vcs eu acho isso tudo falta de respeito sao pessoas que nao tem nada pra fazer

Confesso ja peguei um texto seu aki mas dei creditos no final com seu nome viw hehehehehehehe


Vi que vc responde a perguntas tomei corajem de te fazer 2 perguntas se vc quiser résponder viw?

1-Vc leva a dança como um ministerio algo que o Senhor te chamou ou dança por causa que é de familia e dança por que gosta?

2-é verdade que vc é acessora da Pra Ana Paula Valadão e o que vc acha dessa *Idolatria*que as pessoas tem por ela?

Perguntas so por curiosidade hhehehehehe

Fike na paz

Bjussss

AngelMi said...

Olá Iana,
Aconteceu esse mesmo problema com uma amiga minha, que até publica textos no Lagoinha.com. Ela encontrou artigos dela em outros sites sem os créditos e a pessoa se comportava como se ela tivesse escrito.
Inexplicável esse comportamento né?
Até pq, como diriam nossos pais, mentira tem perna curta...
Bjs,
Mi

Iana Coimbra said...

Queridos amigos,

Valeu pelas palavras legais. Bom que com essas situações a gente aprende o que não fazer, né.

Bj.

Gilmara Coletto said...

Olá Iana,

Sem noção viu! É até normal ler algo aqui interessante e postar em nosso blog mais daí usar um Ctrl V e um Ctrl C sem assinar o verdadeiro autor é não ter um pingo de respeito é querer copiar o que dá certo por que percebe que este blog é autentico pelo principal fato de ser verdadeiro afinal são suas idéias e opiniões expressas aqui. Como se diz “na vida nada se cria Tudo se copia”, mais pelo amor de Deus assine pelo menos o autor pra não passar vergonha depois!
I-Relevante é considerado tão interessante por que primeiro você tem um baita dom pra escrever e claro estudou para aprimorar mais ainda o dom que já era natural seu e por fim tem conteúdo e ninguém precisa copiar nada de ninguém por que com certeza todos nós temos alguma coisa boa pra contar. O segredo é saber expor isso da forma interessante e criativa.


Valeu.

Anonymous said...

Pode me dizer que foi que copiou os textos???
É tõ chato isso imagino como deve ser...

Ivy said...

Que péssimo hein? Triste, muito triste mesmo... aliás o nome disso mudou ou continua sendo PLÁGIO?
Abraços
Ivy GArcia

Luma e Luana said...

Iana..
Serio! Verdadeiramente vc tem um dom! rs
N há textos seus q n encontramos um motivo p/ rir, acredite!

Falando sobre ele..

Pensavams q vc ia falar tdo, e n ia dizer o principal, o q verdadeiramente isso era.
Isso com certeza, da forma mais resumida q se pod ter em uma palavra, é falta de carater.

Segunda feira tivemos uma ministração muitoo boa, q falava especificamente sobre isso.
Acho q vou postar ate no blog, depois. rs
Ai vc v lá! rs


Haaaa, e com certeza pod crer, esse texto n será replicado. kk.

Bjuss e DTA!

Sabrina Vital said...

Nossa Iana, é incrível como vc se expressa com tanta propriedade em tudo o q escreve. Até mesmo quando
copiam seus textos sem te dar os créditos (rsrsr). Acredito q a tal mocinha vai até encantada com esse post (rsrsr).


Para mim é a maior satisfação poder ler o q vc escreve.
Desejo que continue a desenvolver a cada dia mais e mais este dom maravilhoso que Deus te deu.

Fica com Deus,
Um abraço amada!

Natalia Toninato de Oliveira said...

Ianaaa... eu tb estou acompanhando seu blog! :)
Ei, que situação!
Sofri algo parecido esses dias: uma mocinha fez um perfil no orkut e colocou a minha foto no perfil! Como assim? fiquei desesperada (nesse caso)... uma amiga que foi 'visitada' por ela, que me avisou! Eita gente, pode não!

bjO Iana... fica com Jesus!

PS> Passa lá no meu! :)

Anonymous said...

Oi Iana.
Faz tempo que não passo por aqui, estava dando uma "olhada" no DT e lembrei de vc... Porque será??
Mas a razão é obvia por estar te "copiando" (literalmente falando), vc é uma "menina mulher", vamos dizer assim! Convicta de uma realidade que realmente é REAL, não vive uma vida utópica, sabe onde está pisando, "dando a cara pra bater mesmo". Não vou dizer que não sofra por isso... Mas faz parte do crescimento, e isso é q é legal!! Não vou falar q a "tal pessoa" é invejosa não, mas o carater dela precisa ser moldado e trabalhado por DEUS. Se por um acaso ela ler esta esta resposta, vai uma canção do dt infantil... "Aos Olhos do Pai". Bjsssssss Linda
E Iana... Continue sendo verdadeira, "loka" (as vezes), mas sensata em suas convicções!!!
bjsss
Luiza Bernardo