Thursday, June 4, 2009

A importância da delicadeza

Por que eu dei uma parada no blog? Isso não vem ao caso. Longe de mim querer dar mais ideias aos loucos que me cercam. Mas o fato é que nos últimos dias pensei muito sobre o tal lance da delicadeza. Movida pelos debates intensos e apaixonados que permearam o I-relevante, a definição e a importância desse conceito povoaram a minha mente.

Já fui do tipo rude. Áspera. Dura. E para completar, arrogante. Foi quando aos poucos fui aprendendo que delicadeza não tem a ver com ser mais ou menos forte, ser firme ou flexível. Tem a ver com educação. Com polidez.

Ser delicado é aprender a olhar para si antes de mirar o outro. É respirar fundo antes de rebater uma crítica e contar até mil ao pensar em acusar. Aliás, é principalmente saber ouvir. É educar os ouvidos, o olhar e principalmente a língua (ou no mundo virtual os dedos). Ser delicado é se colocar no lugar do outro, ao invés de insistir para que ele se coloque no seu. Não significa concordar sempre, mas é saber até mesmo como discordar. É entender a importância do respeito.

Delicadeza não tem a ver com tamanho ou com estilo estético. Delicadeza está no olhar atento, no ouvido aberto, no sorriso disponível, na postura sensível. Delicadeza está naquele “q” especial que atrai a atenção e que às vezes nem se sabe ao certo o motivo. É o pequeno algo a mais que faz uma diferença substancial. Delicadeza é o que todo mundo espera, mas que nem sempre sabe expressar.

Parafraseando Marylin Monroe, “as belas que me desculpem, mas delicadeza sim é fundamental”. E eu ainda estou aprendendo essa virtude.

41 comments:

Alessandra Molinário said...

Oi Iana, meu nome é Alessandra sou do Rio de Janeiro - Ministério Yavé Shamá,e também temos uma Faculdade que ministra os cursos de dança, música, teologia e filosofia a FATEF. Bom mais estou aqui pra dizer que comecei a acompanhar seu blog ontem, e já li bastante coisa dele, rsrsrs. E adorei a parte em que fala da lingua mineira, nossa ri muito, ja morei ai em Minas e por 2 meses e adorava a fala dos mineiros e tb frequentei a IBL, e foi benção pra mim e minha família.
Mais e o post de hoje tb me tocou pois realmente temos que ter delicadeza com as pessoas pois são elas que Deus nos mandou amar e suportar, mesmo que as vezes apareça um mala, rssrsrsr, mão são criaturas de Deus assim como nós, então aqui vai meu abraço pra vc e que seu ministério possa alcançar lugares cada vez mais altos. Bjks e fique na paz.

Anyk Sonayra said...

Iana, me vi dentro desse post hj.
A cada dia, tenho me sido convencida pelo meu melhor amigo Espirito Santo, que é preciso amar mais.
Desde que me convetir essa tem sido uns dos motivos de minhas orações, com esse amor maior, aquele tipo de como Jesus teve pelos perdidos, tudo seria muito melhor.
Mas, com as coisas que acontecem nessa vida nos faz entender, e aprender que sempre é preciso mudar! bj

leonardotr said...

Como é dificil educar, endireitar em nossa vida aquilo que jah estah torto. Eu me pego assim as vezes. Indelicado. Gracas ao nosso bom Deus que esse post me fez colocar a mao na cabeca.rs Beijao

*Nán!nh@* said...

Estou muito feliz com tua "volta"! Acho que, como muitas pessoas, entrar em teu blog diariamente tornou-se uma rotina necessária.
O que você falou também é algo que eu busco com ajuda de Deus. Enquanto pareço ser delicada e até frágil em certas situações, em outras, acabo não medindo as palavras...

Bem vinda de volta! xD

PS: Infelizmente eu que irei dar uma sumida estes dias... Vou para SP visitar minha família e nem sei se entrarei na net.

Tatiana Santos said...

Ianinha, lindinha!! (Sem puxasaquismo viu?)

Realmente é surpreendente o que você escreveu hoje! Coinscidência acredito que não, por que o Senhor tem nos moldado sempre pessoalmente falando. Mas estou nessa fase, me identifiquei bastante com suas palavras.

Delicadeza muito nos falta nestes dias atuais!
E acredito sim em suas palavras e em tudo descrito nesse post. Além de tudo, realmente existe a necessidade de avaliarmos nosso comportamento com os outros. Delicadeza é uma virtude. E das boas! Jesus nos ensina isso!

Como você disse, "Delicadeza é o que todo mundo espera, mas que nem sempre sabe expressar".

E eu quero, sem arrogância nenhuma, continuar aprendendo dessa virtude que é uma pérola nas nossas vidas!

Beijos no coração!

:p

Gilmara Coletto said...

Muito bom seu texto!

Como dizia um ditado que conheci “Delicadeza custa pouco e vale muito”! É verdade, parece que só se comporta com delicadeza quem tem necessidade dela. Enfim acredito que teremos a delicadeza mais presente em nossas vidas quando aprendermos a amar ao próximo como a nós mesmos! Ô cozinha difícil!!!! Que tarefa!!!!

Abraço

Paulo Victor said...

bem vinda de volta, iana. bom tê-la por aqui de novo. recomeçou bem. lindo texto.

Leandro Neri said...

Que felicidade que você voltou!! xD
Quase entro de luto quando decidiu parar... heehehe...

Ótimo Post!
Gosto de como você dá boas lições, mesmo não falando de Bíblia e Deus o tempo inteiro.
(Além do fato de não ter o interesse de mostrar-se perfeita.)

Um grande abraço, Iana!!

Cida Gama said...

Olá!!!! Só o tema em si já é delicado.
Eu não costumo ser grossa com ninguém, eu nem consigo ser, eu simplesmente me calo diante de uma grosseria, eu olho e ignoro.
Mas eu não queria ser assim sabe, não queria revidar, mas queria usar a delicadeza nestas horas e dizer algo pra pessoa se tocar, de repente a pessoa nem sabe que está sendo grossa e eu vou prestar uma ajuda a ela.

É nas nossas fraquezas que somos provados, que o Senhor te conceda graça!!

Um beijo

Rachell said...

Concordo com vc Iana, e fico batsante satisfeita em saber que nãou a única pessoa a chegar à conclusão DOÍDA E CONTROVERSA de que sou arrogante.
Assim como você, me vejo num momento de reflexão sobre isso, e tenho que te confessar: POR POUCO NÃO FIZ UM POST SOBRE "DISSIMULAÇÃO"...
Não deixe de escrever...

Maria Lúcia Gontijo said...

Preciso com urgência imprimir este texto e pregá-lo no mural de recados aqui da tv! Pensando bem, seria ótimo colocar algumas cópias na bolsa e distribuir pessoalmente para algumas pessoas. Parabéns pela sensibilidade ao lidar com as palavras!

Dê said...

ianaaaa ,olha eu aqui de novo
rs bom eu estava com saudade de vc viu
que bom que voltou e o texto sobre delicadeza é lindo apesar de confrontante rsrs mais é isso ai
rsrs
um grande abraço
fica na Paz

Lê said...

Oi Iana,

Interessante sua postagem!

Concordo com você quando diz que delicadeza é polidez e educação, mas acrescentaria respeito.

Vejo as pessoas indelicadas como gente com baixa auto-estima. Elas precisam se defender e se mostrar superiores a tudo e todos.

Jefferson Araújo. said...

tá...
parei, li e refleti...

A primeira vez que caí por aqui no seu blog, esperava algo mais... como é que eu posso dizer... "espiritual", ao pé da letra messssmo...

Encontrei outra coisa.
Na verdade, encontrei uma pessoa. Uma pessoa normal.

Acompanhei as últimas postagens e vi que muitas pessoas ficaram chocadas com algumas declarações suas. E isso é normal.

Quando buscamos viver uma vida diante do Senhor, chegamos a ir ao extremo, generalizando tudo como pecado.
Aos poucos, o Senhor vai trabalhando e começamos a amadurecer. Temos uma consciência mais clara da vontade de Deus, e do que nos afasta Dele.
Começamos a entender que santidade está em nosso caratér, nas atitudes pessoais do dia-a-dia e em como nos comportamos em situações corriqueiras. Começamos entender que a fé esta ligada à razão, e assim vivemos mais convicentes do nosso dever como cristãos.

O perigo mora aí.
Muitos hoje em dia estão racionalizando cada vez mais a fé, e não podemos esquecer que as coisas do Espírito muitas vezes (senão na maioria delas) não são compreendidas pela razão.

É preciso delicadeza para lidar com os extremos.
É preciso crescer na graça e no conhecimento.
E é preciso saber viver com outros que estão em processos diferentes da vida, que estão lutando para crescer, com seus erros e acertos, mas com uma enorme vontade de alcançar seus objetivos.

acho que é "só" - rsrs - adorei sua volta, e espero ler-te mais outras vezes.

abraços

Vanessa Trotta said...

Ufa! Que bom que voltou!!!
Mas vc me abandonou hein, nem passa mais lá no blog! rsrsrs

Acredito que a delicadeza também está relacionada com a humildade! Não adianta nem tentar incorporar essa virtude se existe o despeito e a arrogância no coração!

UM abraço!

miss sil pati said...

e esta deveria ser nossa natureza intrínseca. então que seja!
God bless you, shalom, graça e muita muita alegria.
[in off: bom saber que "I" está de volta, melhor ainda é poder estar aqui, compartilhando relevancias aparentemente nem sempre tão relevantes assim]

Wallan Cristhian said...

Que bom que vc está de volta.
Foi uma surpresa agradável ver vc aqui novamente.
Um abraço para vc e até mais

Adriany Teixeira de Araújo said...

Eba... que bom que voltou! rs

Rachell said...

Não precisa aceitar claro rsrs. Então Iana, eu tenho 24 anos moro em Brasilia e te vi pela primeira vez no youtube semana passada... Claro que sempre soube que a Isabel Coimbra tinha três (agora são cinco neh? rsrs) filhas, mas nunca soube exatamente quem era quem, e muito menos que vcs tinham crescido tanto... Bem, o fato é que por alguma razão eu encontrei seu blog (nem me lembro como rsrs) e fiquei - e ainda estou - de CARA com suas ideias: BRILHANTES, SINCERAS, PERITAS...
Gostaria de convidá-la a acompanhar o meu blog: http://soul-what.blogspot.com. Vc tem muito a ensinar e eu quero muito aprender... Se não for pedir muito, me responda por e-mail: raquelrij@gmail.com. Sei que num futuro bem próximo vc poderá estar aqui em Brasília, pregando na minha igreja: IGREJA BATISTA CELULAR INTERNACIONAL... Convites não faltarão... Deus te abençoe, e por favor, NÃO PARE DE ESCREVER!!!! Há um post dedicado a vc no meu novo blog... O título é: "Ah, as palavras". Espero que goste. =)

natsaldanha said...

Ei Iana! Que bom que já voltou com o blog. xD E óh! Tô esperando as fotos de Vitória hein?! hehe.
Graaande beijo. E fala pra Isa responder aos e-mails ... rsss ... bju.

Aline said...

Um texto é um pouco digamos interessante hehehehehe tbem eeu era assim mas as vezes precisamos ser delicados em algum momento da nossa vida


Um Grande bjo

AngelMi said...

Olá Iana, que bom que voltou =D
E voltou com força né?
Vale a pena refletir sobre o que vc disse. De vez em quando a vida nos dá uns trancos né?
É bom olharmos pra dentro de nós mesmos e percebermos que sempre dá pra melhorar. Valeu pelo toque!
Bjs,
Mi

Paula said...

Iana, Que bom que vc voltou
e com um texto lindo!!

Drielle said...

Felizérrima com sua volta no blog!

Luiza Bernardo said...

Oi Linda Iana.
Faz tempo que não passo por aqui!
Pareceu-me mais sensível do que das outras vezes, neste post sobre "DE LI CA DE ZA".
Alguém te machucou!? Talvez em palavras que ferem e deixam marcas mais profundas do que alguns acidentes, porque depois não nos lembramos da dor... Só lembramos dele porque ficou uma marca mesmo.
Mas linda segue em frente. OK!
Continue sendo verdadeira, aprendendo com os erros e crescendo... Sendo cada vez mais uma cidadã melhor.
Lembre-se: Jesus sempre será o nosso referêncial em tudo.
Bjks linda.
Com carinho,
Luiza Bernardo

Karoline said...

Iana q bom q vc voltou, amei o texto lindo.
Tenho sido muito abençoada com a sua escrita, elas tem mim feito e crescer e pensar um pouco sobre cada postagem sua.
Mais não só no blog vc tem sido benção mais tb no seu ministério de dança. Vê uma ministração sua q mim marcou bastante, a forma como vc e o grupo de louvor se expressa na presença de Deus é benção, muita unção.Já assistir várias vezes , e em todas sou abençoada.
Vai ai o vídeo
http://www.youtube.com/watch?v=NXkaeX3SOq0
A paz.

"I" sou eu! said...
This comment has been removed by the author.
Juliana Marques said...

ei Iana...
q bom q vc voltou, estava anciosa pela sua volta, gosto muito de ler o q vc escreve, e já voltou com um post otimo, como temos q aprender a ser delicados, recebi um e-mail hj bem interessante, e uma mulher falava q esperamos mt q outras pessoas nos tratem bem mais nós nunca temos a titude primeiro, e isso é uma realidade, se queremos q as pessoas sejam delicadas com nós ou q nos tratem bem acho q a primeira atitude tem q vir de nós...
mt bom o pst, volta em grande estilo com certeza...
Deus te abençoe
bjusss

An? Meu nome? said...

Que bom que voltou! Todos os dias eu olhava pra ver se tinha voltado. Tava com saudades! Seja bem vinda, sinta-se em casa! (Olha minha audácia). rsrs
Agora é sério, foi justamente esse pequeno algo a mais do que você escreve que fez a diferença.

Some não... a net não é mais a mesma sem você e essa sua sinceridade.

Que Deus delicadamente te abençoe! =D

Raysa said...

Iana, estamos sempre aprendendo a melhorar. Foi bastante agradável ler esse post tão expressivo e ao mesmo tempo simples, humilde. Concordo absolutamente com tudo o que falou, e que principalmente a delicadeza não define fortes e fracos. Como eu "apanhei" pra entender isso. E como você, também aprendo.

Bruna Lobo said...

(Bruna Lobo) Huuulllll ta lindo Iana, nada como nós estimularmos sentimentos que as vezes ainda parecem tao obscuros dentro da gente.

IANA PARA PRESIDENTE \O/

Rah said...

''E eu ainda estou aprendendo essa virtude.'' [2] Eu também estou!

ps: é bom ter você de volta! *-*

Mumiah said...

Ótimo post...
Vai me fazer refletir durante toda a semana.

Esse eu lírico... said...

Me apaixonei pelo blog (agora sou seguidora nº 80)...

Parabéns!

Thaty Nogueira said...

OI MANA LINDA... QUE BOM QUE TÁ VOLTANDO!!!
MUITO SÁBIA SUAS PALAVRAS. TÁ NA HORA DE ESCREVER UM LIVRO HEIN!
IANA, QUE DEUS CONTINUE TE USANDO DE MANEIRA PODEROSA, ATÉ MESMO PELA NET.
REALMENTE... DELICADEZA FAZ TODA A DIFERENÇA!
BJOS

Gabi said...

cool, mocinha. very cool =D

q bom seria se todos pudessem ler estas simples linhas e mais do q ler, compreender a profundidade do q vc quis dizer.

bjus!

Camila said...

Isso que vc 'parafraseou' se não me engano, foi uma frase de Vinícius de Moraes e não da Marylin. Depois vc pesquisa direitinho. Flw.

Rodrigo said...

POw que bom que vc voltou Iana! Fico feliz!

Confesso que muitas vezes me falta delicadeza, mas to aprendendo com o tempo.

T+++

Iana Coimbra said...

Pessoal,

Muito obrigada pelos comentários, pelas reflexões em cima do texto e pelas palavras de estímulo para eu continuar escrevendo. Que bom que o que eu escrevi teve utilidade:)

Àqueles que apareceram por aqui pela primeira vez: Bem vindos e voltem sempre!

Àqueles que já são "moradores" do I-relevante, que bom que vocês continuam por aqui! rs.

Algumas respostas:

Leandro: Se tem uma coisa que não sou é perfeita. E o I-relevante não é um blog de estudo bíblico. É um blog de vida, ou algo do gênero. E nada além disso. ;)

Vá: Juro que não te abandonei! Eu sempre leio o seu blog. Só não comento pq não tenho nada a dizer mesmo...rs. Saudades!

Rachell: Que texto mais lindo no seu blog... Que bom que vc chegou aqui!

Nat: Vou colocar as fotos no Flickr. ;)

Luíza: Que engraçado ter dado a impressão que alguém tinha me machucado.rs. Mas tá tudo bem. Obrigada por se importar. ;)

Camila: Acho que foi a Marylin mesmo... Mas valeu pelo toque. ;)

gabi said...

Oi Iana qto tempo... saudades do seus posts q bom q voltou..cont. a nos abençoar deixando ser usada por Deus em seus sempre...fik na paz...Deus t Abençoe...bjus

Taty said...

Falou e disse!
sem contar que vc ta escrevendo mto bem

Welcome Back! êê..