Monday, October 27, 2008

Eca - Parte II

Eu gosto de política. Não gosto é do que algumas pessoas fazem com ela. Eu gosto de votar. Eu não gosto é dos candidatos que me aparecem. Eu gosto de campanha eleitoral. Eu não gosto é da coação que ela se torna.

O segundo turno em BH foi ridículo. Ridículo e inconstitucional. A campanha do Leonardo Quintão foi construída na tal história de "gente que cuida de gente", que "dá jóia" e se esforça no "mineirês". A do Lacerda foi no melhor estilo "tenho o apoio do governador e do prefeito e é só por isso que estou aqui". Aí veio o vídeo do "nós vamos ganhar e chutar a bunda deles", protagonizado pelo Quintão. Ontem ri demais ao ver até adesivos de carro com os dizeres que se tornaram famosos. Ouvi também alguns eleitores saindo das urnas e brincando: "acabei de votar e chutar a bunda deles!". E como tudo no Brasil, o que é sério vira piada.

O último debate foi interessante. O Lacerda tomou um banho. Com seus tiques e sorrisos ensaiados ao final de cada frase (com certeza toque de algum assessor para torná-lo mais simpático), deixou muito claro o que todo mundo já sabia: ele é apenas a figura que vai encenar na prefeitura. Foi engraçado vê-lo quase falar por duas vezes "isso dá para fazer", frase que virou jargão do adversário.

Mas se a minha antipatia pelo Lacerda e Cia. já estava sendo construída ao longo da campanha, ela se consolidou no sábado pela manhã. O telefone de casa tocou e eu atendi. Uma gravação feminina começou: "Aguarde só um instante que o Governador Aécio Neves vai falar". Como assim???? O que ouvi em seguida foi o ponto alto de uma campanha bem agressiva. O maior cabo eleitoral do Lacerda começou a falar em uma gravação que eu deveria votar no número 40 porque ele era o único que poderia contar com o apoio do governo do estado. Que ele era sem dúvidas o mais preparado para assumir o cargo e que ele, Aécio Neves, pedia o meu voto para o Márcio Lacerda. Peraí! Fazer campanha eleitoral na véspera é inconstitucional! O governador praticamente disse que só apoiaria o trabalho da prefeitura se o candidato indicado por ele fosse eleito. Isso para mim é coação.

Ontem, domingo, BH acordou com milhares de cartazes difamando o Quintão. Ou seja, o que não faltou foi dinheiro para denegrir a imagem do adversário do governo, o que considero um ato de desespero diante da possibilidade de ver a caríssima campanha apoiada por 20 partidos (uma aliança histórica), por Aécio e pelo prefeito Pimentel, ir para o ralo.

Quintão perdeu. Lacerda ganhou. 59,12% contra 40,88% dos votos válidos. Agora é ver o que vai acontecer nos próximos quatro anos, ou melhor, nos próximos dois, nas eleições para presidência e governo do estado, porque lá vêm Aécio e Pimentel.

33 comments:

Rodrigo said...

Oi Iana,

eu entendo a sua posição com relação ao voto nulo ou em branco. Só que eu vejo o voto nulo mais como um direito meu, entende? Eu não me vejo mais obrigado a votar em alguém que não tem as qualidades necessárias para assumir os cargos que almejam (pra não dizer picaretas). Quando há candidatos interessantes eu voto sem problemas, mas quando dois "sem qualidades necessárias" ficam na berlinda do segundo turno, eu voto nulo sem dó nem piedade rsrsrs. Não estou dizendo que você deveria fazer a mesma coisa até porque não conheço os candidatos dai, estou apenas expressando a minha opinião.

ABçs

Radical Extravagante said...

Ahhh eu não sou fã de política não, é muita mentira e corrupção junta, numa mesma época, me enoja bastante isso tudo!!
Graças a Deus moro em Brasília, e aqui só há eleição de 4 em 4anos! É um stress a menos do que vcês passam! hehehe!
e campanha política é sempre sinonimo de stress e mentira reunida... mas fazer o que se temos que votar em alguém né?!
Depois passa no meu!
Uma ótima semana Iana!

Carolina Vilela said...

Te dizer que essa eleição foi realmente uma piada. Tiveram de trazer Duda Mendonça pra resolver a parada. PT-PSDB pegaram pesado.

Ganha quem tem dinheiro. Parece ser sempre assim.

dani said...

Iana td bem?
não vou nem comentar sobre esse post. não gosto de política, talvez não goste tanto, porque não entendo muito.

Que bom que lembrou de mim, dos seminarios anteriores, é que são tantas pessoas que achei que não lembrasse.
Gostei do Uai no início da frase.rsrsrs.

Deixa eu te contar um pouquinho do que aconteceu nos 02 dias que passei ai.

Fiquei hospedada na casa da Larissa, ela ta no mudança tb, conheci parte do centro de BH, conheci o CTM, e tb a UFMG.
Daí na Segund-feira a noite, fomos ao shopping Del rey, eu a Fernanda e a Elisa que estavam comigo, a Larissa,Cecília,a mãe das duas e a Claudinha.Foi muito bom,mas faltou vc...
Ano que vem vamos ver se dá certo.

Bjo e fica com Deus!!!

Rafael said...

Oia eu aqui travêis,

Aqui em Goiânia não tivemos segundo turno e apesar de não estar tão inteirado sobre o caso mineiro, não posso deixar de comentar o post. Principalmente porque mais uma vez fico surpreso com sua coragem, seu texto e sua inteligência! Ver que você vai além das expectativas que muitos nutrem a respeito de ministros só aumenta minha satisfação. Cada vez fico mais convicto de que como Igreja, precisamos aprender a nos posicionar diante de tantas decepções na área da política. Obviamente nos apartando do patrimonialismo caro à política brasileira que é reproduzido em muitos altares evangélicos nessa época. Louvo a Deus por sua vida, pois é um belo exemplo de que como cristãos, temos plena capacidade de aliar caráter, unção, instrução, inteligência e criticidade!

Que Abba a abençoe cada vez mais

Angel said...

Então....realmente essas eleições foram ridiculas!!! A tal "aliança" achou que ia ganhar no 1º turno, dai viu que a "aliança" não era tão forte assim, por ter ficado na frente apenas por causa de 2 pontos.

Dai vamos pro 2º turno e a campanha da "aliança" foi: Vamos denegrir a imagem do Leonardo Quintão. Pq foi só isso que eu vi...não vi o marcio falando o que iria fazer por BH e tal..so o vi queimando o filme do Leo. A Ética mandou um abraço,ne?

E em um debate, eu o vi falando que Aécio e Pimentel o escolheram pq ele era o mais capacitado. Para mim, pq ele era o mais capacho, isso sim. Mais fácil de ser manipulado...

Mas enfim...como ja disse Zagallo, vamos ter que engoli-lo por 4 anos =/

bjoo

Angel said...

Ahhhh...como vc fez para mostrar as atualizações do blog de seus amigos? Gostei =)

Deborah Mendes said...

Nuss,essa eleição foi simplismente ridícula,de um lado o protagonista de:"Vamos ganhar e vamos chutar a bunda deles",e do outro o abacaxi azedo com casca e tudo...acabamos engolindo o abacaxi.Confesso que preferia tomar um chute na bunda a ter que engolir esse abacaxi,maldito abacaxi!!!

Ana Flávia said...

Ainda bem que aqui em Fortaleza não tivemos 2º turno..Tbm gosto de votar e como vc tbm não gosto é o dos candidatos,aqui foi a atual prefeita Luizianne Lins * Moroni Torga e mais 7 candidatos,ela foi reeleita com 50%de votos...Na primeira coletiva,já como prefeita,ela disse que não tem apoio ou marqueteiro que pudesse reelegê-la se sua administração não tivesse sido boa.Sinceramente,quando ela foi vereadora,ela batalhava mais,como prefeita ela deixou a desejar e muito...mas dos males o menor,ela ainda deu uma melhorada ao menos nas escolas da prefeitura,no atendimento dos postos de saúde,enfim...eu votei nela,mas ainda com o pé atrás.Mas política me dá coisas!!bahhhh....
Quanto ao dia do meu aniversário,foi feliz sim...graças a Deus,louvei muito ao Senhor!!!
Deus continue te abençoando!!bjss

Jaqueline said...

Iana essas são as palavras que escrevi no meu blog no dia 25/10.
Acho que é muito parecido com a sua indignação.
Bjos

Sinceramente estou muito decepcionada com a propaganda das eleições esse ano. Confesso que foram poucos os dias em que parei diante da TV para assistir a propaganda, mas uma coisa tem me chateado e muito, é ver como a política no Brasil é suja e corrupta e mais ainda como as pessoas se vendem por causa de um partido político e se esquecem de que quando tudo acabar o que vai sobrar é o seu nome e a sua reputação!

Outro absurdo é o presidente da república permitir que a sua imagem seja ligada a um determinado deputado (quando aqui no Rio temos dois candidatos a prefeito) e o tal deputado abre a boca dizendo que se ele ganhar o Rio vai sair beneficiado por ter o apoio do presidente e governador.

Francamente senhor presidente quer dizer que se o candidato da oposição (Gabeira) for eleito não terá o seu apoio? Onde ficam as pessoas, o carioca nessa situação toda? Não fomos nós quem o elegemos? Ou será que um simples partido político conseguiu toda a sua porcentagem de voto?

Estou frustrada e chocada! Mas vai fazer o quê? Já sei em quem vou votar e espero não voltar aqui no blog e postar mais uma decepção minha!

Sah♥ said...

Olá Ianitcha..
Já disse e vou falar denovo.. vc escreve muito bem!! eheheh bom aqui na minh acidade nao teve 2° turno graças a Deus!!!

Mas então.. mudando de assunto..
como vc está? e o casório sai qndo?? eheh
apareça! ah! venha visitar Foz!
beijos

sah! [meu blog: www.sahaqui.blogspot.com]

Brulugo said...

pois é Iana, vamos ver o que esse Márcio vai fazer né, para você ter noção do quanto que esse segundo turno foi retardado , o Tom cavalcante que não tem nada a ver com a eleição daqui de Bh , fez um video cassoando o Leonardo Quintão que a propósito é muito engraçado...
so peço a Deus para que esse tal Choque de Gestão , e esse tal rodizio de carro proposto pelo Márcio não aconteca tão cedo por aqui......, mais mudando de assunto
hoje quando eu estava la no ponto de onibus ali perto do minascentro, eu vi a Isa passando , até ia comprimentar ela, mais parecia que ela estava com pressa porque andava com o paço acelerado ,e o meu onibus ja estava a caminho, não foi dessa vez.

Bração

Vanessa Trotta said...

Oi Iana!
bom, vou comentar seu post pq conheço os bastidores do PT! rsrsrs
Também achei a aliança ridícula, até porque o Pimentel causou um racha na base do partido, e "queimou" sua campanha p governador internamente, principalmente em relação ao diretório nacional. Ele achou que a eleição seria ganha no primeiro turno e praticamente descartou a militância. Tomou um susto que custou caro, enfraqueceu!
Colocaram um representante que não é um político!
Agora, a campanha do Quintão pelo amor de Deus, ridícula! Gente cuidando de gente, mas e o projeto de governo, cadê? Administrar uma capital não é bem por aí...
Bom, esse assunto rende, mas depois trocamos mais idéias, afinal vc está devendo um encontro, viu!!!

UM beijo!

AngelMi said...

Também considero um ato covarde o candidato dizer que se não votar no aliado ao governo, a cidade vai sair perdendo. Argumento baixo e que coage o povo.
Essa época do ano me dá nojo. Ainda bem que passou. Oremos agora pelos nossos governantes né?
Bjs,
Mi

Isabel said...

Realmente, o 2º turno em Bh ridículo. Ainda não sou obrigada a votar, mas como já tirei o título resolvi participar das eleições e me deparei com isso... "vamos chutar a bunda deles" e "prefeito da aliança", e "dá um jóia aí Jô". É cada uma...

Edgard said...

O povo tem o prefeito que merece!!!

Leila said...

Iana,
Vc resumiu em pouquíssimas palavras a realidade das eleições em BH! Li q o segundo turno ficou parecendo o programa do Ratinho... Mais ridículo impossível!!! E com tanto artista envolvido em favor do Lacerda, só faltou ele ir ao programa do Faustão pedir voto, sem falar na imagem de "jeca" q Quintão assumiu :P
Ambos possuem atitudes excessivas.
"Pelamordedeu"!!!!!!!!!!!! Seria engraçado se não fosse trágico essa novela eleitoral.
Pra mim o horário político virou horário humorístico, há muito tempo...
Leiloca

Assassinas do Popeye said...

Respeitável público, tenho o orgulho de apresentar nosso mais conhecido espetáculo, o mais visto, mais aplaudido, o mais engraçado e o mais aguardado de todos os tempos. Com vocês a Comédia da Política Brasileira! Hoje o público vai escolher qual dos nossos personagens é mais apto ao cargo de palhaço. Opa! Quer dizer, prefeito de Belo Horizonte. De um lado temos uma marionete cara de pau com sorriso engessado e o seu memorável condutor/manipulador Aécio Neves e trupe com a ajuda do célebre Publicitário Duda Mendonsa que com suas habilidades chegam a convencer o público de que ele é de fato real. De outro temos o personagem com sotaque caipira que ficou famoso pelos seus jargões inteligentemente elaborados para divertir a massa e prometeu que se ganhar vai chutar a bunda deles. Tenho a honra de apresentar Lacerda e Quintão! E a platéia vai ao delírio!!!
*
*
*
* Parbéns Iana, amo seu jeito sutil e polêmico de escrever. Beijos e que Deus te abençoe.

Kamila said...

asim política vira circo.. os "homens da lei representantes do povo" agindo contra a ordem e uma lei constitucional.. até onde vamos?haha.. adoro esse tipo de coisa, acho que é porq vou mesmo estudar direito e essas palhaçadas de nossos "queridos políticos" me motivam a tentar fazer a diferença e não ser comprável num país onde " o que é sério vira piada."

ana c. said...

Pois é!Mas tinhamos que escolher um dos dois,entre o "sujo" e o "mau lavado",achei melhor o "mau lavado".Dá um jóia aí!!!rsrs
um grande bju

Joemaxon Ravaiano said...

Olá Iana, graça e paz!
Pois é, o 2º turno foi uma patifaria até aqui, em Contagem. Claro que os mais fortes: Márcio Lacerda (BH) e Marília Campos (Contagem, partido PT) iriam mesmo ganhar. Lacerda parece ser um "pau mandado", além de ter cara de ser falso demais. Eu em BH nunca votaria nele, mas infelizmente, ele ganhou. Aqui em Contagem, eu não gosto de nenhum dos candidatos fortes para o 2º turno, Ademir Lucas e Marília Campos, pois eles não trouxeram nada de bom para nossa cidade, nos deram verdadeiras "dores de cabeça", mas eram os únicos da parada, entre Ademir e Marília, preferimos Marília que nos "enjuriou" um pouco menos que Ademir.
Este ano eu pude escolher se votaria ou não, optei por esperar uma próxima oportunidade, achei que não estava pronto pra tamanha responsabilidade, ainda!
A prefeitura da nossa capital, BH, interfere muito nas coisas da região metropolitana, como exemplo, Contagem. Agora o jeito é esperar e ver o que vai nos acontecer nesses 4 anos. Fica bem claro que agora devemos preparar nossos olhos para ver a candidatura de Aécio para Presidente da República e do Pimentel para Governador do Estado.
Beijos e bênçãos pra você, Iana, até mais ver!
Joemaxon Ravaiano

Aline said...

Oiiiii Iana

Depois de um bom tempo passo aki.Graças a Deus aki na minha cidade nao teve 2 turno vivaaaa.Mas ninguem merece mesmo Jesus.......Nao e somente em cidade grande que acontece isso nao na pequena tbem.
Falando da Postagem anterior realmente e uma vergonha que nosso pais ta passaando.Ruim mesmo e a menina ta la numa boa descansando debaixo da terra e nos ligarmos a Tv e ve passando isso ainda.Ninguem merece hehehe

Um Grande abraço

Paulo Victor said...

Oi, Iana

Recebi, há poucos dias, uma análise muito interessante a respeito da situação eleitoral de BH: o pessoal aí acabou descaracterizando o debate político sob a névoa de uma suposta "grande aliança", "acima dos partidos".

Porém, vivemos numa democracia de partidos, e o debate ideológico é fundamental ao processo democrático, para não correr o risco de um totalitarismo camuflado. Em BH, eles optaram por despartidarizar os partidos, despolitizar a política, o que acabou resultando na inexistência de contraposição entre projetos e em apatia política.

Com isso, perdeu o processo democrático, perdeu a conscientização social, perdeu o povo de BH...

No fim das contas todos tiveram que optar pela idéia vendida do "agremiador de todos os interesses", "acima das ideologias", como se o projeto apresentado por essa "grande união" fosse perfeito...

Natália said...

Ei Ianaa..li algumas últimas postagens do seu blog qnd o encontrei a algum tempo atrás,adoreii...mais a melhor e tivee que comentar foi a dessa capamnha eleitoral de B.H...Idem em td o que vc falou!
saudade de mais dos nossos encontros(mudança),espero que voltem logo.
Um beijo e manda outro pra sumida da sua irmã Isa,fica com Deus!

Giselle Semeão said...

Oi Iana,

Tudo Bemm????

Sou nova aqui e tenho uma pergunta nada ver com este post aqui... rsrsrs
Estava olhando um outro post seu e vc falaou q estava lendo um livro sobre a crise dos 25, gostaria de saber qual livro é esse por favor!!!
Obrigada.
bjos
Giselle
gigica_semeao@hotmail.com

jeffao_araujo said...

seria cômico se não fosse trágico...
seria cômico se não fosse Brasil...

*Nán!nh@* said...

Iana, nem quero mais pensar nessa politicagem barata... Fiquei preocupada com outro tipo de campanha que está acontecendo na Inglaterra. Uma jornalista ateísta quer espalhar cartazes pela cidade com a seguinte afirmação:
"Provavelmente não há Deus.Então, pare de se preocupar e aproveite a sua vida". Vê se pode???
Tá no site da Revista Época.

Iana Coimbra said...

Gente,

Gostei de ver todo mundo comentando sobre política. Isso é muito legal e importante. Obrigada pelas contribuições.

Rodrigo: As opiniões têm que ser respeitadas, né. Mas continuo achando que votar em branco não é muito legal. ;)

Radical extravagante: Cara, eu vejo eleição de um jeito meio diferente, sabe. Gosto de política de verdade. ;)

Carol: Mas eu jurei que esse ano seria diferente... Bobinha eu, né.

Dani: Que bom que vc aproveitou seu tempo em BH.

Rafael: Obrigada pelas suas palavras!

Angel: Eu tb fiquei esperando propostas consistentes, sabe. Só as ouvi mesmo no debate final que foi um show.

Deborah: Adorei seu comentário. Concordo com vc!

Ana Flávia: Beijos para vc.

Jaqueline: Adorei seu comentário.

Sah: O casamento tá indo... Preparativos e correria para conciliar com trabalho e tanta coisa. Qualquer dia apareço no seu blog de novo. Obrigada pelas suas palavras!

Brulugo: Também espero que o rodízio não chegue tão logo. A Isa é a pessoa que mais pega ônibus no mundo!

Vá: Que orgulho da minha amiga jornalista antenada no mundo político!!! Dureza, né. Bom que suas informações enriqueceram ainda mais a discussão aqui. Então, tô te devendo a visita. Te ligo para combinar.

Angelmi: Orai sem cessar.

Isabel: Votar é muito importante. Que bom que você exerceu sua cidadania.

Edgard: Não sei se é bem assim. Eu não mereço o Lacerda!!!rs.

Leiloca: Tão bom te ver aqui... Adorei seu comentário sobre o pedido de voto no Faustão.rs.

Assassina do Popeye: Adorei seu comentário! Dei boas risadas! Muito bem escrito. Obrigada pelos elogios. ;)

Kamila: Isso é muito legal. Ser motivada a ser diferente. Deus te dê graça.

Ana C.: Eu dei um jóia também.rs.

Joemaxon: Cara, vc tinha que ter votado. É importante. ;)

Aline: Isso é porque o ser humano é o mesmo em qualquer lugar.

Paulo Victor: Me lembrei de um livro que li na faculdade: Tudo o que é sólido se desmancha no ar. Acho que é por aí, né. Como sempre, ótima reflexão.

Natália: Bem vinda! Obrigada pelo comentário. Vou dar o recado para a Isa. ;)

Giselle: O nome é esse mesmo: A Crise dos 25.

Jeffão: Sim, Jeffão. Infelizmente.

Naninha: Não sabia desse ainda. Por isso que digo: Quando você acha que já viu de tudo nessa vida, sempre tem algo que te surpreende. Beijos.

Gabi said...

Vergonha total dessas eleições. Pra te deixar mais indignada: o Pimentel soltou na prefeitura q se o Márcio não ganhasse ele demitiria todo mundo! Tem base??? A notícia vazou de funcionários indignados! Tenho um amigo que trabalhou no comitê do Márcio e me contau cada podrera de embrulhar o estômago! Eu votei no Quintão, não por achar ele um bom candidato, pelo contrário, acho ele extremamente imaturo, mas não queria q o Márcio ganhasse: fato! Infelizmente ele ganhou: fato! Vamos ver o q vai rolar...

Pipe & Renatinha said...

Irca,

ainda bem que não tô aí pra ver esse espetáculo lamentável!!!

Bjo grande

Iana Coimbra said...

Gabi: Inacreditável!!!!!! Eu tb não votei no Márcio. Eu me assusto com essas coisas, sabe. Será que isso vai mudar algum dia?

Renatinha: Pois é... Dureza, né. Beijo procê.

Land of Marcelo said...

Gente, só hoje (30 de Outubro) é que eu vi o Tom Cavalcanti imitando o Quintão... huauhahahuahuauhahuahuuaua. Ta la no blog. Depois fui ver o horário do Quintão... puts, dei graças a Deus por estar longe dessa. Fraco demais. Tb nao sei nada sobre o Lacerda, mas o Tom ganharia meu voto tranquilo... dápáfazê! huahuahua

Iana Coimbra said...

Marcelão: Engraçado demais, né. ;)