Wednesday, June 25, 2008

Sobre mulheres e frutas

Não sou das mais antenadas nas ondas e últimas modas, mas vez ou outra me assusto com o que aparece por aí. A última que me impressionou foi "as mulheres frutas". Sim, porque é uma tal de Melancia, Melão, Moranguinho, Jaca, e sei lá mais o que, que me surpreende. O que mais me choca é a capacidade do ser humano de associar coisas tão simples, como frutas, à pornografia. E o pior: a falta de amor próprio dessas mulheres ao se contentar com tão pouco...

Sim, isso me choca, e me faz sentir uma saudade imensa de quando as frutas se limitavam a dar nomes à hidratantes e perfumes.

18 comments:

Gabi said...

E tb qdo só eram usadas como um termo bonitinho entre casais... meu ex namorado me chamava de "meu moranguinho"... acho q se fosse hj em dia nem sei se ia querer ser chamada assim :(
lamentável...

|________Uerlle| || || |___| said...

kkkkkkk
adorei o post de hoje Iana!
A verdade é que as pessoas
se banalizam tanto né?
E o interessante é que se banalizam pra nada!
rsrs!
Bjão!

brulugo said...

Oiiiiiii Iana
nossa morri de rir..........
muito ilário essa sua observação e critica
Bjos
haaaaaaa e se poder me manda um e-mail
meu e-mail é
brulugo34@hotmail.com

jhom said...

hehehe...
� verdade Iana...
hje em dia o q + tah se saindo na "rede" s�o as "mulheres frutas"...
e o pior n�o � nem a associa�o, + sim o prazer q elas t�m em se comparar com tais frutos...
pela 1� vez podemos ver frutas virarem capas das principais revistas de entrenimento[de besteirol]...
o q + t�m a vir?
ser� q um dia chegar� a "uva" ou a "banana"?
o + espantoso � o qto isso est� gerando lucro, e o quanto as pessoas est�o se acostumando a essas novas personagens...
gra�as a Deus q existe o t�o conhecido "15 minutos de fama", ele nos salvar� dessa + nova onda de "salada de frutas" na nossa maravilhosa m�dia [ruim p elas, afinal, fruta fica podre depois de um certo tempo, neh?]... =p

DTA menina...

John Santanna

ps: amei esse seu pensamento sobre a nova onda... Senhor, livrai-nos das frutas!!! hehehehe

Maíra Albino said...

Olá Iana,

Concordo com vc! Esta situação me deixa muito triste, acho tudo isso tão vulgar...
Abaixo esta feira de meulher!!!!rs

Beijos
Maíra

Luma e Luana said...

Oiee Iana...
Bom..vams te dizr ate ond sabems...huauah
Bom, a mudança de fuso horario, foi estabelecida pelo senador Tião Viana, para que o Acre se "ligasse" mais ao Brasil; ficasse mais incluido ao Brasil, (vams dizr assim). Pois, o Acre era o único estado q vivia num fuso diferente de todo o resto do Brasil, c/ duas horas de diferença de Brasília.(Achams q vc entendeu). Então com a auteração do fuso, para uma hora mais adiantada(relacionando o Acre com o resto do pais), o Acre ficou com a mesma hora dos estados do AM, RO..etc, e assim fica só com uma hora de diferença de Brasilia, em vez de duas como era antes.
entendeu??rs
... Mas falando sobre seu post, vams dizr.
Assim como vc, n estams ligadas as ultimas modas, uahua..p/ te falar a verdade n tinhams ainda ouvido falar dessa expressão nova..
se ja ouvimos, n lembrams. Mas se isso esta acontecendo, como vc disse...é uma pena, as mulheres se ligarem, ou se associarem a tão pouca coisa (usando suas palavras..).
bom, ficams por aqui...rs
bjusss p vc...DEus te abençoe!!
haa...querems ver fotinhas das gêmeasss.....amanha viu!!! :)
haa...Iana, se vc nao viu os nossos recados no dia de seu post "Glorioso", vê lá depois, e ns responde quando vc pder, ta? ;)
Please!!...rs

Anonymous said...

oi Iana! nossa isso que pensou sobre as mulheres frutas! rsrs pensei nisso ontem!misericórdia!no mundo hj satanás cega tanto a vida das pessoas,que nao se contentam em mostrar o corpo! querem sempre aumentar a sua sensualidade! e agora nao perdoam nem as frutas!nao quero nem pensar no que vem pela frente!somo privilegiadas em estar lado a lado com Deus! mas,prontas pra resgatar essas vidas que estao se perdendo nessa "salada de frutas"! né! beijao querida vamos orar né!

Mara said...

fla ianaa.
peace!!!!

realmente tema legal do blog, pois a sociedade caminha nisso hj,limitando-se realmente como vc diz, a tao poucoo.
e nao é sé nesses caso vc falou naoo..outras tantas coisas q a sociedade tem dados nomes,ou atitudes banais..
q a graça de Deus os alcance um dia..
this is my desire..
bejao....

ps:manda um bejao pra claudinha do mudanca por favor!!!!!!!!!!...achu q ela mudou o email dela..nao me respondeu mais...snif..

bejaoooO**

Soraia Alves said...

Não sei o que é pior: usarem coisas tão boas como as frutas para qualificarem algo tão baixo, ou uma pessoas ter a coragem de se sujeitar a ser chamada de Jaca...
E elas ainda acham q tem gente q morre de inveja delas..
E o triste é que sempre tem algm q realmente queria estar no lugar da 'mulher-melancia'!
¬¬'

Mas eu ainda culpo esses programas de fofoca por isso. Qdo se torna tão fácil ganhar dinheiro, ter um bando de paparazzis no pé e ter seus 15 minutos de fama, tem gente que se dispõe a qqr tipo de coisa né!

(Tô parecendo uma revoltada com o Tv Fama...rs)

Beijo Iana!

AngelMi said...

Fora as danças que são totalmente sensuais e as canções que estimulam cada vez mais os jovens e adolescentes a iniciarem mais cedo a vida sexual.
É uma pena que exista esse apelo em tudo, principalmente na mídia.
Bjs,
Mi

Kathy said...

Mulhé qto tempo. Nem vou comentar sobre esse assunto de frutas, ok?

As coisas em bsb estão frenéticas pra variar, por isso demorei tanto pra vir escrever algo para vc, ainda bem que vc entende isso perfeitamente.

Mais uma vez quero agradecer por ter me acolhido aí, obrigada mesmo, prezo muito coisas do tipo e saiba que minha casa está aberta a vc qdo quiser. Foi um dia muito rico apesar de corrido, os detalhes que costumam passar desapercebidos pelas pessoas são os que fazem diferença pra mim. Mais uma vez, OBRIGADA.

O congresso foi MARAVILHOSO. Voltei pra cá com alguns projetos em mente e o principal tem sido concretizado. Muita coisa aconteceu desde então. Creio que vários planos que eu tinha em mente vão ser alterados mas é aquela velha história de que o coração do homem faz planos mas a resposta correta vem do Senhor. Uma das alterações é que vou aquetar um pouco aqui em solo brasileiro por mais um tempinho.

Fico por aqui...Tentarei escrever com mais frequência...

Bjãooooo

P.S: "O TEU AMOR" me edificou mto.

Fer said...

oi
e ai recebeu meu e-mail?
espero o retorno...
bjokas e fica com o Paizão!!!!
fer

Juliana said...

Olá Iana, a paz do Senhor...
Penso o mesmo, as mulheres de hoje em dia se deixam ser usadas por tão pouco, em prol de uma publicação relâmpago da imagem.
Aqui em salvador as comparações pornográficas em relação a mulher são intensas, nos pagodes cantados por aqui a mulher é cachorra, toda boa e por aí vai... o que mais me impressiona é como elas se divertem ao ouvir músicas nesse nível...
Mas uma coisa eu creio e por isso espero que o Senhor restaure tudo, que o Senhor traga sobre a nossa nação um peso de glória que faça com que toda essa pornografia ridícula caia por terra e só a santidade do Senhor predomine...
Um beijo e fique com Deus...
Ah obrigada pelas palavras que deixou para mim no último comentário que fiz.
Juliana salvador-Ba.

Paulo Victor said...

É uma triste realidade ver que o sexismo historicamente confrontado acaba sendo reforçado por essas próprias mulheres que se prestam a um papel socialmente reduzido.

E bom é ver, em lugares como este blog, discursos incomodados e combativos.

O que nos consola a todos - homens e mulheres - é saber que modismos passam, enquanto as lutas pelas conquistas das mulheres perduram. E esperemos que, no fim, sobrem as conquistas.

Mas, sorte a sua, Iana, que você ainda não deve ter visto um jornal popular que circula no rio. O boletim se chama "Meia Hora [de notícias]", e custa entre 0,50 e 1,00.

É um jornal desses que ao torcer pode-se extrair sangue, no qual só se encontram notícias sobre fotebol, sexo e violência, numa linguagem bem popular e acessível.

A proposta de democratizar a informação é boa, mas o conteúdo do que existe ali só reforça essa consciência de bandido-bom-é-bandido-morto, mulher-fruta etc.

E, dia desses, na sessão "Gata da Hora", havia uma tal de mulher-manga... Nem queira saber a origem do significado desse nome... Vai render pelo menos 10 posts!

Obs.: Pq perdi meu tempo lendo essa baboseira de jornal??? hehe

Paulo Victor said...

COMENTÁRIO QUE TALVEZ NÃO CAIBA NO BLOG. SE QUISER, PODE ATÉ NÃO ACEITAR PRA NÃO FICAR IDEOLÓGICO/DOUTRINADOR/ACUSARDOR DEMAIS...

Mas o mais triste é que a tal da mulher melancia largou o grupo do qual fazia parte, dando lugar pra uma outra, de nome mulher-moranguinho.

Escutando uma rádio, dia desses, ouvi uma entrevista com ela. E o pior foi saber que ela é evangélica.

Ver mulheres colocando-se nesse papel já é triste - pelas lutas históricas do gênero - mas ver mulheres "da igreja" no mesmo caminho, além de ser historicamente constrangedor, é extremamente triste, por ver as pessoas fugindo da manifestação da Graça...

bons bordados said...

o pior de tudo iana que isso para a maioria das pessoas é normal, é" alegre", eu como mulher olho esse tipo de coisa e me sinto enojada, pq Deus tem coisas tão simples mas tão maravilhosas que superam todo tipo de "onda" desse mundo
a paz do Senhor

Raquel said...

Iana, gosto de pessoas com personalidade propria, e vc se mostrou assim! agora parei para pensar! Em que mundo estamos vivendo, cada vez mais a vinda do senhor Jesus se mostra real.

Glória a Deus por isso...

Deus abençõe!

i-relevante said...

Gabi, concordo com vc. ;)

Uerlle, e bota banalizam nisso.

Brulugo, cara, achei seu comentário bem engraçado. Te mandar um e-mail falando o que? rs. Valeu pela visita.

Jhom, seu comentário me fez rir. E isso é muito bom. :)

Maira, tô contigo e não abro.

Lumanas, valeu pela informação.

Anonymous, não se esqueça de assinar da próxima vez. ;)

Mara, não vejo Claudinha há um bom tempo... Ela saiu do Mudança há praticamente um ano.

Soraya, revoltada mesmo! rs.

Angelmi, é verdade...

Kathy, que bom que deu tudo certo. Bem vinda sempre. ;)

Fer, chegou hoje. Te respondo.

Ju, bem vinda e mais querida sempre.

Paulo, aqui tem dois jornais no mínimo desse tipo. Nem te conto a minha preguiça. Mas pelo menos serve para empregar mais colegas jornalistas meus. ;)

Bons bordados, credo né.

Raquel, obrigada pelas palavras. :)