Thursday, August 5, 2010

Dia comum

Acabei de encerrar o meu dia na TV e vim ficar com o marido até ele terminar o dele. Neste momento ele está concentrado em cálculos e planilhas. E eu, aqui, sentadinha no canto do escritório o observando trabalhar.

Me lembro dessa mesma cena, há bons anos atrás. Eu num canto da sala de aula, ele noutro. E de longe eu o percebendo no seu mundo de números e lógicas.

O tempo passou. Somos as mesmas pessoas e vez ou outra fazemos as mesmas coisas. Como hoje. E neste momento penso em como o cotidiano simples, básico, sem nada extraordinário, pode ser bonito e cheio de significados.

Ele acaba de encerrar as tarefas do dia. Hora de ficar juntos. Igual nos tempos de colégio.

10 comments:

Naiara said...

Não há nada melhor que coisas simples x)

Cida Gama said...

Eu sempre me surpreendo com a simplicidade das coisas... com a correria nem sempre prestamos atenção, é uma pena.

Leila said...

As melhores coisas da vida não coisas...
Bjão
Leiloca Pipoca

' Jeffão Araújo said...

parece até aqueles contos curtos que lemos e suspiramos no final.

E VIVA A SIMPLICIDADE!!!

Cíntia Mara said...

Que lindo!
Bjos

Dulce...Dependendo...Aprendendo...Crescendo... said...

Momentos simples são lindos e inspiradores. Que venham os dias simples... brinde

Thyt@ said...

Simplicidadee..algo tão valioso que deixamos passar!!..
um texto simples....mas que nos leva a pensar na importância das coisas simples...e nos traz sentimentos extraordinários...

Viva a simplicidade (2)..!!

Depois vai no meu blog s puder!!
Deus abençoe!

Wesley said...

Que legal, deu pra imaginar a cena!

Larissa Aguiar said...

A felicidade está nas pequenas e simples coisas...

Jowesley Wolff said...

Deus é tremendo e se mostra a nós ate nas coisas mais simples.
Nos faz retornar nos bons momentos desta vida que tem preparado para nós.